Oi, sou Mar, e você está lendo as minhas opiniões sobre a vida o universo e tudo mais :)

quarta-feira, 25 de agosto de 2010

Tu escreve conforme o que eu ditar

Hoje na aula a professora propôs uma atividade diferente: Deveríamos formar um texto utilizando palavras ditadas por ela, só que, ela iria falar uma, e iriamos sair já escrevendo, e com o tempo ela ia falando as outras e deveríamos inserir no nosso texto.

Bueno, veja a baixo o que saiu nessa brincadeira.

Palavras ditadas:
 - Relógio;
 - Boné;
 - Pulgas;
 - Paraguai;
 - Celular;
 - Noiva;
 - Remédio;
 - Pesadelo.

  O relógio dele tinha uma pulseira da mesma cor de seu boné, boné este que era de um tecido diferente, quem via acreditava ter pulgas, por parecer pelos de cachorro. Um indivíduo bem diferente com sua beca toda do Paraguai,  e o celular a mostra, pedindo para que roubado. Andava bem faceiro pela Rua da Praia rumo a gasômetro, ele e sua noiva. Faceirice essa que surgiu depois de descobrir um remédio para se livrar de seus pesadelos que o impediam de dormir. Bah, tão bom dormir tranqüilo tendo este lindo sonho.

[ ]s gurizada

2 comentários:

Rodrigo disse...

Celular a mostra, boné com tecido diferente... Mas Bah! Mas o vivente é mais fiasquento que o Falcão imitando o Serginho Malandro.

hahaha

brincadeira a parte, o exercício é bem interessante!

Abraço!

Corinne disse...

Que bom q não precisa desse remedinho..pq tem bons sonhos..
caso precise, será bem faceiro..rsrs..Porém, se encherá de pulgas !!! hehe.

Beijos,

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails